Em tempos de combate ao coronavírus, monitoramento remoto do agronegócio torna-se imprescindível.

As tecnologias Agrotools foram desenvolvidas para ligar empresas que se relacionam com o agro e produtores rurais, criando conexões digitais, ágeis e precisas, minimizando a necessidade de interferências presenciais no processo. Diante da crise mundial, trabalhar com soluções que independam da presença física in loco garante a continuidade das ações do agronegócio, minimizando impactos negativos para o setor ou para a saúde.

Alinhada ao propósito de manter a roda da economia girando, sem oferecer riscos à saúde, a Agrotools reforça o entendimento sobre a necessidade de empresas que se relacionam com o agronegócio – bancos e financeiras, seguradoras, resseguradoras e redes varejistas, entre outras –darem continuidade às operações junto a seus clientes, os produtores rurais. 

“Não sabemos ainda quanto tempo essa situação provocada pela pandemia do coronavírus vai durar, mas sabemos que as pessoas precisam continuar se alimentando e, portanto, o agronegócio não pode parar”, afirma o CEO da Agrotools, Sérgio Rocha. “Utilizando o arcabouço de soluções digitais da Agrotools, desenvolvidas exclusivamente para aproximar as corporações das atividades do campo, é possível seguir com financiamentos, seguros e monitorando a procedência de alimentos, por exemplo, sem expor colaboradores.” 

As tecnologias Agrotools permitem que companhias compreendam o que acontece com fornecedores e clientes espalhados pelo território rural, por meio de relatórios produzidos por plataforma geográfica proprietária, que reúne dados de fontes diversas, incluindo dados oficiais. Dessa forma, é possível se respaldar sobre o que está acontecendo campo, gerando segurança nas transações. 

“Mesmo com nossa própria rotina acontecendo de forma remota neste momento, intensificamos os contatos com empresas, que têm o agronegócio como foco, para mostrar as funcionalidades das soluções Agrotools para enfrentar esse desafio, sem interferir na continuidade das operações”, explica o diretor de Produtos e Inovação da Agrotools, Breno Felix.

Mais para explorar